quinta-feira, 31 de março de 2011

Roteiro para Reunião de Célula da CRP N. 010 1ª Semana de Abril de 2011

COMUNIDADE RENOVADA DE PINHAIS

Início: Oração de guerra, tomando posse do ambiente para o Senhor Jesus destruindo as retaliações do inimigo, repreendendo cansaço físico e mental, enfermidades e dores. Adoração, ministre ao menos um louvor.

TEXTO:  Lucas 15:1-7

QUEBRA GELO: Junto com todos discípulos, faça uma lista de todas as pessoas que já participaram da célula e não estão mais na célula nem na igreja, passe os nomes para todos, faça um programa de contactálos, visita-los e telefonar para eles, inserindo todas os discípulos no processo e orem para que sejam resgatados. 

• Há hoje, apenas no Brasil, entre trinta e quarenta milhões de pessoas que um dia freqüentaram alguma igreja evangélica.
• Uma igreja de dez anos, que manteve média de duzentos membros, viu passar, por seu rol, o dobro desse número. Isto é, quatrocentas pessoas que passaram por essa igreja estão desviadas hoje.
• A porcentagem de desviados que retorna à igreja não passa de 10% no Brasil.
• Entre 60% e 70% dos desviados, estes não receberam qualquer visita de líderes ou membros quando decidiram sair da igreja.
• Entre 40% e 30% receberam de uma a três visitas, que se revelaram, na maioria das vezes, de cobrança ou condenação.
• Hospícios e presídios são os lugares de destino de boa parte dos desviados.
• De cada dez andarilhos, três deles freqüentaram alguma igreja um dia.
• A maioria dos desviados (acima de 50%) é afetada pelo ressentimento com sua liderança.

Jesus, o bom pastor, contou uma parábola imortal, falando do pastor que foi buscar a centésima ovelha, e depois de achá-la festejou seu resgate e alegrou-se com seus amigos. Essa parábola enseja-nos três preciosas lições:

TEMA: A CENTÉSIMA OVELHA E A MISSÃO  DO RESGATE

I - A OVELHA PERDEU-SE PORQUE AFASTOU-SE DO REBANHO. 
A ovelha é um animal míope, inseguro, indefeso e também rebelde. Ela não pode proteger-se contra os predadores. Ela não tem um bom senso de direção. Sua segurança está em ficar perto do pastor e junto do rebanho. Sempre que se desgarra e se afasta da companhia das outras ovelhas, está sujeita a cair e ferir-se. 

A figura da ovelha é sugestiva. Não é por acaso que Jesus viu os homens aflitos como ovelhas sem pastor. Mesmo depois de convertidos somos ovelhas. Não podemos caminhar fiados em nossa própria força. Dependemos de Deus e uns dos outros. Não podemos nos afastar da congregação. Não é seguro viver isolado do rebanho.

I I - O PASTOR NÃO DESISTIU DA OVELHA PELO FATO DE ELA TER SE AFASTADO DO REBANHO. 

O pastor poderia ter encontrado justificativas plausíveis para abandonar a ovelha perdida à sua própria sorte.
Talvez, o pastor já tivesse alertado aquela ovelha sobre os perigos da solidão.
Talvez, algumas vezes, o pastor já tivesse flagrado aquela ovelha se distanciando do rebanho e caminhando na direção de lugares perigosos.
Talvez o pastor pudesse alegrar-se com o fato de que tinha ainda em segurança noventa e nove ovelhas que estavam debaixo do seu cuidado e proteção. 

O pastor não discutiu as razões da queda da ovelha. Ele foi buscá-la.
 
Ele enfrentou riscos para resgatá-la.
Ele não desistiu dela e não voltou para o aprisco até trazê-la em seus braços.
Precisamos ter o mesmo empenho na restauração daqueles que se afastaram. Precisamos demonstrar pressa para resgatar aqueles que caíram. Precisamos amar aqueles que desobedeceram e se desviaram. Precisamos amá-los e trazê-los de volta ao rebanho de Cristo.

I I I - O PASTOR FESTEJOU A RECUPERAÇÃO DA OVELHA PERDIDA. 

O pastor não esmagou a ovelha com seu cajado ao encontrá-la; ele a tomou em seus braços.
Ele não a mandou embora por ter lhe criado problemas; ele a carregou no colo.
Ele não se aborreceu com o preço do resgate; ele festejou com seus amigos a restauração da ovelha perdida. 

Precisamos não apenas ir buscar a centésima ovelha, mas precisamos nos alegrar com sua restauração.
Há festa nos céus por um pecador que se arrepende.
A igreja é lugar de vida e restauração.
A igreja é lugar de cura e perdão.
A igreja é lugar de aceitação e reconciliação.
A igreja é lugar de disciplina e recomeço.
A disciplina é um ato responsável de amor.
A disciplina visa a proteção do rebanho e a recuperação da centésima ovelha.
Não basta nos alegrarmos com as ovelhas que estão em segurança no aprisco; devemos buscar a centésima ovelha que se dispersou.
 
O Senhor Deus perdoou Davi e o restaurou depois de seu adultério com Bate-Seba. Jesus foi ao encontro de Pedro depois de sua queda para lhe restaurar a alma. Paulo ordenou à igreja de Corinto a perdoar o irmão faltoso, que havia se arrependido.
Nós, de igual modo, devemos ir buscar aqueles que outrora estiveram conosco e hoje estão distantes.
Essas pessoas devem ser alvos da nossa oração e do nosso cuidado pastoral.
Não devemos descansar até vê-las restauradas por Deus e reintegradas em seu rebanho. Adaptado Hernandes Dias Lopes

Reconhecendo a necessidade real e urgente, e confessando nossa culpa de termos falhado muito até agora, queremos como igreja de Jesus em Pinhais, a partir de hoje mudarmos nossa conduta, dispensado maior amor aos que abandonaram a igreja e estão parados ou perdidos, por isso neste mês de Abril de 2011, Decretamos em nome de Jesus que será o Mês do Resgate e da Restauração, pois no ANO DA ALIANÇA E DA COMPAIXÃO, precisamos olhar com carinho, compaixão e amor para todos aqueles que um dia caminharam conosco e hoje não caminham mais, VENHA CONOSCO SER UM RESGATADOR, VENHA SER UM RESTAURADOR.
Ap. Eliã Marcos Caetano
Oração(pelos pedidos e pelo missionário); Oferta p/ Projeto Expansão;  
                                                              
 Compartilhar a  visão; Avisos; Agradecimento aos Convidados e Lanche.
Atenção: Não se esqueça de incentivar os homens da sua célula para irem no encontro com Deus em Matinhos nos dias 15-18/04 – Fale com o Pr. Valdomiro

Eliã Marcos Caetano
COMUNIDADE RENOVADA DE PINHAIS
IGREJA PRESBITERIANA RENOVADA DO BRASIL 

Nenhum comentário:

Postar um comentário