quinta-feira, 22 de setembro de 2011

A ninguém sobre a terra chameis vosso pai.

MATEUS 23:
9 E a ninguém sobre a terra chameis vosso pai; porque um só é o vosso Pai, aquele que está nos céus.

Há poucos anos alguns pastores resolveram se auto proclamarem como apóstolos e, a partir daí, passamos a ter algumas aberrações teológica em nosso meio, pois esses apóstolos também se intitulam "pais" espirituais de seus discípulos e muitas das suas esposas como as mães desses mesmos discípulos. De acordo com as palavras do Mestre no verso acima, isso não passa de uma heresia grosseira que merece o nosso repúdio. Esses discípulos, ou meros aspones, chegam ao ponto de imitarem até o modo de falar, com o mesmo tom e timbre de voz, numa demonstração de total submissão aos "Paiapóstolos". Pensando bem, essa história de pais e mães espirituais também é praticada por muitos pastores e pastoras que adoram manipular totalmente seus liderados.

Poucos dias atrás ouvi um desses religiosos dizendo que o casal de líderes-apóstolos ao que o mesmo serve são o seu pai e a sua mãe, com a ousadia de citarem o caso de Timóteo. Imediatamente me lembrei das palavras que o Mestre disse a seus discípulos no verso acima. Podemos ser filhos espirituais de um pastor como Timóteo o era do apóstolo Paulo, como Marcos era chamado por Pedro, mas nunca devemos literalizar essa ideia proclamando que fulano ou ciclano são nossos pais e mães. Foi através de Paulo que Timóteo conheceu a mensagem do evangelho integral, algo que nem isso os atuais "pais" fizeram, pois a maioria de seus liderados vieram de outros ministérios. Não temos passagens bíblicas onde tanto Timóteo como Marcos chamam a Paulo ou a Pedro de seus pais, pois esses apóstolos foram apenas instrumentos do Senhor para se tornassem filhos de Deus.

Nossos pais materiais nos deram a vida pela qual viemos ao mundo, mas apenas o Senhor nosso Deus, somente Ele nos dá a vida eterna. E o Pai celeste nos dando a vida eterna se torna de fato e de direito o nosso único Pai. Não somos filhos espirituais de homens falhos, mas sim do próprio Pai através de Cristo Jesus que, como homem igual a nós, teve o poder de nos fazer seus irmãos. Não foi uma simples adoção, foi um reconhecimento por parte de Deus da nossa filiação a Ele. Nos tornamos herdeiros do Senhor e não de meros homens mortais.

Amados, vamos reconhecer e obedecer ao Senhor não chamando a homem algum de Pai espiritual, pois essa honra pertence somente ao Senhor. A menos que certas pessoas não nasceram de novo, necessitando portanto de serem adotadas por homens falhos que gostam de estar em posições de destaque perante homens que lhe deem a honra devida apenas a Deus.

No amor de nosso Pai,

Ivo Prado.

Um comentário:

  1. Irmão, o que você tem a dizer a respeito das palavras do Apóstolo Paulo aos coríntios: "Não escrevo estas coisas para vos envergonhar; mas admoesto-vos como meus filhos amados. Porque ainda que tivésseis dez mil aios em Cristo, não teríeis, contudo, muitos pais; porque eu pelo evangelho vos gerei em Jesus Cristo" (1Coríntios 4,14-15).
    Meu email é: permitir@gmail.com

    ResponderExcluir