domingo, 2 de fevereiro de 2014

TRÊS ARTIGOS DO PR. HERNANDES DIAS LOPES SOBRE O ESPÍRITO SANTO

EU PRECISO DO ESPÍRITO SANTO

É impossível exagerar a importância do ministério do Espírito Santo em nossa vida. É o Espírito Santo quem nos regenera, nos batiza no corpo de Cristo e nos sela para a redenção. É o Espírito Santo quem nos dá dons e nos capacita com poder. É o Espírito Santo quem nos santifica e intercede por nós, em nós, ao Deus que está sobre nós. É o Espírito Santo quem nos consola e nos ilumina os olhos para entendermos a palavra de Deus. De fato, eu preciso do Espírito Santo, pois é ele quem me revela Cristo, meu amado Salvador.


Hernandes Dias Lopes


O CONSOLO DO ESPÍRITO SANTO

Jesus Cristo conclui a sua obra de redenção e voltou para o céu. Mas, ele não nos deixou órfãos. Enviou-nos o Espírito Santo, o outro Consolador. Outro não diferente, mas outro da mesma substância. O Espírito Santo é Deus. Ele veio para morar em nós, transformar-nos, consolar-nos, encher-nos de alegria, paz e poder. Ele nos assiste em nossas fraquezas e intercede por nós sobremaneira, com gemidos inexprimíveis. Que precioso Consolador!



A PLENITUDE DO ESPÍRITO SANTO

O apóstolo Paulo escreve: "E não vos embriagueis com vinho no qual há dissolução, mas enchei-vos do Espírito". Há aqui uma comparação superficial e um contraste profundo. Duas ordens claras: uma negativa, outra positiva. Tanto a embriaguez quanto a ausência da plenitude do Espírito constituem-se pecado de desobediência à uma ordem expressa de Deus. Uma coisa é ser habitado pelo Espírito; outra é ser cheio do Espírito. Uma coisa é ter o Espírito; outra é o Espírito nos ter. Uma coisa é ter o Espírito residente; outra é ter o Espírito presidente.




Nenhum comentário:

Postar um comentário