segunda-feira, 24 de abril de 2017

25/04/17 - LEITURA BÍBLICA ANUAL - 2º SAMUEL 08 A 10.


2 Samuel 8

As vitórias de David

1Depois disso Davi derrotou os filisteus, subjugou-os, e tirou do controle deles Metegue-Amá.
2Davi derrotou também os moabitas. Ele os fez deitar-se no chão e mandou que os medissem com ­uma corda; os moabitas que ficavam dentro das duas primeiras medidas da corda eram mor­tos, mas os que ficavam dentro da terceira eram poupados. Assim, os moabitas ficaram sujeitos a Davi, pagando-lhe impostos.
3Além disso, Davi derrotou Hadadezer, filho de Reobe, rei de Zobá, quando Hadadezer tentava recuperar o controle na região do rio Eufrates.
4Davi se apossou de mil dos seus carros de guerra, sete mil cavaleiros e vinte mil soldados de infantaria. Ainda levou cem cavalos de carros de guerra e aleijou todos os outros.
5Quando os arameus de Damasco vieram ajudar Hadadezer, rei de Zobá, Davi matou vinte e dois mil deles.
6Em seguida estabeleceu guar­nições militares no reino dos arameus de Damasco, sujeitando-os a lhe pagarem impostos. E o Senhor dava vitórias a Davi em todos os lugares aonde ia.
7Davi também levou para Jerusalém os escudos de ouro usados pelos oficiais de Hadadezer.
8De Tebá e Berotai, cidades que pertenciam a Hadadezer, o rei Davi levou gran­de quantidade de bron­ze.
9Quando Toú, rei de Hamate, soube que Davi tinha derrotado todo o exército de Hadadezer,
10enviou seu filho Jorão ao rei Davi para saudá-lo e parabenizá-lo por sua vitória na batalha contra Hadadezer, que tinha estado em guerra contra Toú. E, com Jorão, mandou todo tipo de utensílios de prata, de ouro e de bronze.
11O rei Davi consagrou esses utensílios ao Senhor, como fizera com a prata e com o ouro tomados de todas as nações que havia subjugado:
12Edom e Moabe, os amonitas e os filisteus, e Amaleque. Também consagrou os bens tomados de Hadadezer, filho de Reobe, rei de Zobá.
13Davi ficou ainda mais famoso ao retornar da batalha em que matou dezoito mil edomitas no vale do Sal.
14Ele estabeleceu guarnições militares por todo o território de Edom, sujeitando todos os edomitas. O Senhor dava vitórias a Davi em todos os lugares aonde ia.

Os oficiais de David

15Davi reinou sobre todo o Israel, administrando o direito e a justiça a todo o seu povo.
16Joabe, filho de Zeruia, era comandante do exército; Josafá, filho de Ailude, era o arquivista real;
17Zadoque, filho de Aitube, e Aimeleque, filho de Abia­tar, eram sacerdotes; Seraías era secretário;
18Be­naia, filho de Joiada, comandava os queretitas e os peletitas; e os filhos de Davi eram sacerdotes.

2 Samuel 9

David e Mefibosete

1Certa ocasião Davi perguntou: "Res­ta ainda alguém da família de Saul a quem eu possa mostrar lealdade, por causa de minha amizade com Jônatas?"
2Então chamaram Ziba, um dos servos de Saul, para apresentar-se a Davi, e o rei lhe perguntou: "Você é Ziba?"
"Sou teu servo", respondeu ele.
3Perguntou-lhe Davi: "Resta ainda alguém da família de Saul a quem eu possa mos­trar a lealdade de Deus?"
Respondeu Ziba: "Ainda há um filho de Jônatas, aleijado dos pés".
4"Onde está ele?", perguntou o rei.
Ziba respondeu: "Na casa de Maquir, filho de Amiel, em Lo-Debar".
5Então o rei Davi mandou trazê-lo de Lo-Debar.
6Quando Mefibosete, filho de Jônatas e neto de Saul, compareceu diante de Davi, prostrou-se com o rosto em terra.
"Mefibosete?", perguntou Davi.
Ele respondeu: "Sim, sou teu servo".
7"Não tenha medo", disse-lhe Davi, "pois é certo que eu o tratarei com bondade por causa de minha amizade com Jônatas, seu pai. Vou devolver-lhe todas as terras que pertenciam a seu avô, Saul, e você comerá sempre à minha mesa."
8Mefibosete prostrou-se e disse: "Quem é o teu servo, para que te preocupes com um cão morto como eu?"
9Então o rei convocou Ziba e disse-lhe: "Devolvi ao neto de Saul, seu senhor, tudo o que pertencia a ele e à família dele.
10Vo­cê, seus filhos e seus servos cultivarão a terra para ele. Você trará a colheita para que haja provisões na casa do neto de seu senhor. Mas Mefibosete comerá sem­pre à minha mesa". Ziba tinha quin­ze filhos e vinte servos.
11Então Ziba disse ao rei: "O teu servo fará tudo o que o rei, meu senhor, ordenou". Assim, Mefibosete passou a comer à mesa de Davi como se fosse um dos seus filhos.
12Mefibosete tinha um filho ainda jovem chamado Mica. E todos os que moravam na casa de Ziba tornaram-se servos de Mefibosete.
13Então Mefibosete, que era aleijado dos pés, foi morar em Jerusalém, pois passou a comer sempre à mesa do rei.

2 Samuel 10

David derrota os amonitas

1Algum tempo depois o rei dos amonitas morreu, e seu filho Hanum foi o seu sucessor.
2Davi pensou: "Serei bondoso com Hanum, filho de Naás, como seu pai foi bondoso comigo". Então Davi enviou uma delegação para transmitir a Hanum seu pesar pela morte do pai dele.
Mas, quando os mensageiros de Davi chegaram à terra dos amonitas,
3os líderes amo­nitas disseram a Hanum, seu senhor: "Achas que Davi está honrando teu pai ao enviar mensageiros para expressar condolências? Não é nada disso! Davi os enviou como espiões para examinarem a cidade, a fim de destruí-la".
4Então Hanum pren­deu os mensageiros de Davi, rapou metade da barba de cada um, cortou metade de suas roupas até as nádegas e os mandou embora.
5Quando Davi soube disso, enviou men­sageiros ao encontro deles, pois haviam sido profundamente humilhados, e lhes mandou dizer: "Fiquem em Jericó até que a barba cresça e então voltem para casa".
6Vendo que tinham atraído sobre si o ódio de Davi, os amonitas contrataram vinte mil soldados de infantaria dos arameus de Bete-Reobe e de Zobá, mil homens do rei de Maaca e doze mil dos homens de Tobe.
7Ao saber disso, Davi ordenou a Joabe que marchasse com todo o exército.
8Os amo­nitas saíram e se puseram em posição de com­bate à entrada da cidade, e os arameus de Zobá e de Reobe e os homens de Tobe e de Maaca posicionaram-se em campo aberto.
9Vendo Joabe que estava cercado pelas linhas de com­bate, escolheu alguns dos melhores soldados de Israel e os posicionou contra os arameus.
10Pôs o restante dos homens sob o comando de seu irmão Abisai e os posicionou contra os amonitas.
11E Jo­abe disse a Abisai: "Se os arameus forem fortes demais para mim, venha me ajudar; mas, se os amo­nitas forem fortes demais para você, eu irei ajudá-lo.
12Seja forte e lutemos com bravura pelo nosso povo e pelas cidades do nosso Deus. E que o Senhor faça o que ­for de sua vontade".
13Então Joabe e seus soldados avançaram contra os arameus, que fugiram dele.
14Quan­do os amo­nitas viram que os arameus estavam fugindo de Joabe, também fugiram de seu irmão Abisai e entraram na cidade. Assim, Joabe parou a batalha contra os amo­nitas e voltou para Jerusalém.
15Vendo-se derrotados por Israel, os arameus tornaram a agrupar-se.
16Hadadezer mandou trazer os arameus que viviam do outro lado do Eufrates. Estes chegaram a Helã, tendo à frente Soboque, comandante do exército de Hadadezer.
17Informado disso, Davi reuniu todo o Israel, atravessou o Jordão e chegou a Helã. Os arameus estavam em posição de com­bate para enfrentá-lo,
18mas acabaram fugindo de diante de Israel. E Davi matou setecentos condutores de carros de guer­ra e quarenta mil soldados de infantaria dos arameus. Soboque, o comandante do exército, também foi ferido e morreu ali mesmo.
19Quan­do todos os reis vassalos de Hadadezer viram que tinham sido derrotados por Israel, fizeram a paz com os israelitas e sujeitaram-se a eles.
E os arameus ficaram com medo de voltar a ajudar os amonitas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário